Menu

Notícias

Especial Exposição Pedagógica – O Tempo 

Data: 11 de novembro de 2021

O homem das cavernas: uma viagem no tempo

Já imaginou poder voltar ao período dos homens das cavernas? A turma do Grupo 5 da manhã embarcou nessa grande viagem. Os alunos já vinham pesquisando sobre os dinossauros e, com as orientações da professora Géssika Bergma, construíram uma linha do tempo até chegarem ao período das cavernas.

Ainda nos estudos sobre os dinossauros, os nossos pequenos historiadores também assumiram o papel de paleontólogos. Eles escavaram a areia que fica na área do parque da escola em busca de réplicas dos fósseis desses animais pré-históricos, responsáveis por povoar a imaginação das crianças. Foi um momento de muita empolgação e conhecimento.

Depois dessa grande aventura, a turma se envolveu com a história e trajetória dos homens primitivos. Eles estudaram sobre o período da pedra lascada, sobre a evolução da espécie humana, a moradia nas cavernas, os materiais e utensílios utilizados na época, a arte rupestre e muitas outras descobertas. Os pequenos pesquisadores passaram mesmo para outra dimensão, vivenciando o período em que o homem morava nas cavernas.

4e6fb772-9b0b-4ede-9c44-f6bf2702077c-300x225 Especial Exposição Pedagógica - O Tempo 

Em sala, durante a produção do material a ser exposto no evento da Exposição Pedagógica, as crianças fizeram comparações sobre o modo de vida dos nossos antepassados com os dias atuais. Elas leram livros e gibis sobre o assunto e ficaram fãs dos Flintstones. E assim, a partir das famílias de Fred e Barney, os alunos conheceram mais sobre a história do homem das cavernas se divertindo.

Como resultado desse mergulho na pré-história, a turma criou para a Exposição Pedagógica uma réplica de um mamute e de um casal do tempo das cavernas com o uso de tintas, barbantes, papel crepom e papelão. Foi muita criatividade e talento. E como cenário e ambientação, foi elaborado um mural representando a arte rupestre e até uma caverna em 3D decorada pelos próprios alunos a partir de suas criações.

A caverna foi uma das grandes atrações da apresentação do Grupo 5. Além dela, as crianças, fantasiadas de Barneys e Pedritas, deixaram o ambiente ainda mais parecido com o tempo das cavernas e arrancaram elogios dos visitantes da Exposição. Foi mesmo uma experiência inesquecível para os alunos, familiares e para a professora que estava tão entusiasmada quanto as crianças.

A natureza e o tempo

Você sabia que a natureza pode nos responder sobre o tempo? As crianças do grupo 3 e 4, orientadas pela professora Daniele Cordeiro e a estagiária Rozejane Domingos, fizeram descobertas incríveis sobre como é possível perceber o tempo a partir de experiências e observações inspiradas na cultura e nas crenças dos povos indígenas.

Ao longo dos estudos sobre o tema, as crianças vivenciaram a observação da passagem do tempo. Elas desenharam no chão da escola e observaram que em determinado momento o desenho ficava na sombra e em outros, no sol. Com isso, logo perceberam que ocorrem mudanças no céu ao longo do dia que refletem a passagem do tempo e definem o dia. Mas não pararam por aí!

Como os povos tradicionais, elas também se basearam na chuva e no vento para acompanhar o tempo, um outro tempo que diz respeito ao clima. Fora isso, os pequenos pesquisadores aprenderam que se o vento for fraco, se chama brisa, assim como conta a música “O ar (o vento)”, do famoso compositor Vinícius de Moraes, cantarolada pelos alunos durante os estudos.

af7cb3-5215-49a326-c641fca640a8-300x225 Especial Exposição Pedagógica - O Tempo 

Com a queda das folhas das árvores, os alunos puderam aprender sobre o tempo e a natureza em suas transformações e renovação. E por falar em natureza, as crianças confeccionaram caixas criativas com flores, folhas, pedras, conchas e outros materiais, assim como fazem os índios para enfeitar e produzir utensílios. Além de pesquisadoras, as crianças descobriram-se também pequenos artesãos.

Os ainda produziram instrumentos e acessórios indígenas como o kabuletê, instrumento de percussão utilizado pelos povos indígenas, além de cocares, tornozeleiras, braceletes e colares remetendo-se aos adereços usados pelos índios.

Vivenciar a cultura indígena com base no tempo resultou em momentos de interação e desenvolvimento de habilidades que nossos pequenos levarão para a vida!

Luz, câmera e (imagin)ação!

Os alunos do 3º ano, com a orientação da professora Rafaella Moura, embarcaram em uma sessão que revelou as transformações pelas quais o cinema passou, com o acompanhamento de uma linha do tempo que remonta o início da história do cinema até os dias atuais.

Ao longo dos estudos, os alunos assistiram animações e filmes e debateram sobre eles. Deduziram que o cinema mudo ainda acontece em dias atuais como a Pantera Cor de Rosa e ainda adoraram Tempos Modernos, de Charles Chaplin. Na enorme gama de filmes, eles puderam conhecer os diferentes gêneros cinematográficos e justificar porque gostam de assistir um gênero mais que o outro. Em uma enquete realizada pela escola, concluíram que os gêneros preferidos entre os colegas do Fundamental 1 da tarde são os filmes de aventura e de terror!

Além das pesquisas, eles se fantasiaram dos seus personagens preferidos, como Harry Potter, Charles Chaplin, Elsa do filme Frozen, Flash, Owen Grady, o domador de dinossauros do Jurassic World e outros. As crianças entraram mesmo no clima dos personagens e tiraram muitas risadas dos visitantes aos seus trabalhos.

cb3-5215-4968-a326-c641fca640a8-300x169 Especial Exposição Pedagógica - O Tempo 

Durante a Exposição, interpretaram uma cena do filme “Pequenos Grande Heróis”, um trabalho realizado com o professor David de teatro. Cada “ator” tinha um super poder e precisaria salvar os próprios familiares que estavam em apuros.

Com muita diversão e bastante aprendizado, o 3° ano da tarde fez um mergulho na história da evolução do cinema. Nem a pipoca faltou durante a pesquisa, o que tornou as vivências mais deliciosas e empolgantes.

A evolução da comunicação ao longo do tempo

Nesta edição, os alunos do 5° ano entraram em uma jornada de estudos sobre a evolução da comunicação ao longo do tempo. Desde as pinturas rupestres, passando pelo início das propagandas e sua influência, até a importância do rádio na Segunda Guerra Mundial. A professora Verônica Neves propôs a criação de uma linha do tempo com as principais invenções e inventores da área da comunicação. O resultado ficou incrível!

Como parte da pesquisa, os alunos elaboraram um mural e um painel com as informações sobre os principais meios de comunicação. Além disso, realizaram uma pesquisa de campo virtual sobre as mídias mais utilizadas pelos alunos e professores e construíram gráficos para exemplificar os dados coletados. Com muita criatividade e talento, também fizeram releituras de fotografias famosas sobre a história mundial.

bfbb-889f-46ca-8211-1f00d828ad5c-300x225 Especial Exposição Pedagógica - O Tempo 

A turma convidou a jornalista Fernanda Zauli, editora do G1 e mãe de Júlia do 8° ano, para conversar sobre a rotina dos profissionais da Inter TV Cabugi. Fernanda apresentou um vídeo com depoimentos de repórteres, apresentadores e da equipe técnica da afiliada Rede Globo. Ela dividiu experiências fantásticas que a comunicação proporcionou em sua vida.

Ao final, os alunos se interessaram demais com as informações que a jornalista trouxe e sentiram-se ainda mais preparados para a apresentação durante a Exposição Pedagógica. A partir disso, incentivados pela professora Verônica, eles embarcaram numa aventura de invenções para o futuro da comunicação.

Já imaginou receber cartas por drones? ou utilizar máquinas para se comunicar apenas por telepatia? Pois os alunos do 5° ano pensaram nisso e em muito mais!

Amostra Fundamental II

Um dos sucessos da edição deste ano foram as apresentações dos alunos do Ensino Fundamental II. Eles deram um show de desenvoltura, oratória, conhecimento científico e criatividade. As apresentações foram realizadas através da plataforma Google Meet, com a presença dos professores e familiares.

A partir de obras de ficção, como o filme De Volta para o Futuro, os estudantes falaram sobre o tempo e a tecnologia e indagaram aos convidados se já pararam para pensar o que será do nosso futuro. E você, já pensou sobre isso?

Todos os grupos utilizaram animações, desenhos, cenas de filmes e outros recursos tecnológicos e dinamizaram as apresentações. Um público de mais de 100 espectadores acompanhou atento a cada fala dos alunos das turmas do 6° ao 9° ano que estavam divididos em equipe de trabalho mistas – multisseriada. Uma das apresentações debateu sobre o questionamento: “O tempo é relativo?”, e trouxe muitas indagações comuns ao nosso dia a dia sobre a questão.

fund2-mockup-e1636647311872-300x197 Especial Exposição Pedagógica - O Tempo 

Temas e personalidades importantes dos ativismos ambiental, feminista, racial e de gênero também foram apresentados ao longo da amostra, como a ativista indígena Yara Macuxi, que falou diretamente com os alunos sobre o seu papel na preservação da cultura indígena com um olhar sobre o futuro. De acordo com a professora Thayane Morais, “ao longo do processo, os alunos se sentiram confortáveis para trazer suas perspectivas sobre o tempo, todas as apresentações foram pensadas e organizadas por eles”, explica.

O nível dos trabalhos chamou a atenção tanto dos professores quanto dos familiares, que elogiaram os grupos no bate-papo do Meet durante todo o evento. Fechando com chave de ouro, os alunos apresentaram o tempo a partir dos mitos e divertiram a todos com sua engenhosidade.

Um dos grupos simulou um jornal, editou, produziu e apresentou as notícias, com direito a propaganda com críticas de produtos inverídicos inspirados em produtos reais. O mais genial foi a entrevista com o biólogo Orisvaldo, um personagem fictício e bem humorado que falou sobre mitos que envolvem a humanidade. Deu pra perceber o quanto eles se entregaram na realização dos trabalhos. Parabéns estudantes do Fundamental II!

← Voltar